segunda-feira, 31 de agosto de 2015

O Pulsar da Revolução Cronologia da Revolução do 25 de Abril

O Pulsar da Revolução 
Cronologia da Revolução do 25 de Abril (1973-1976) 
de Boaventura de Sousa Santos, Maria Manuela Cruzeiro, Maria Natércia Coimbra

O Pulsar da Revolução Cronologia da Revolução do 25 de Abril (1973-1976)
2ª edição, 376 pages 1997-2000. Edições Afrontamento / Centro de Documentação 25 de Abril

Une chronologie qui ne s'axe pas uniquement sur les événements politico-militaires mais aussi sur le  mouvement social et culturel. Ainsi l'ouvrage comprends en regard une vaste iconographie (photographies, caricatures, autocollants, peintures murales, couvertures de livres etc... l'ouvrage est complété par une liste des sigles et d'une bibliographie. Il s'agit certainement de la chronologie la plus intéressante consultée à ce jour. Que l'on peut retrouver aussi en ligne.

sexta-feira, 28 de agosto de 2015

La gauche radicale de Miguel Cardina

Un petit travail de synthèse sur l'extrême gauche au Portugal et sur le poids du Maoïsme. Bien sur il ne faut pas prendre l'apparition des organisations pour la vérité des mouvements.

As décadas de 1960 e 1970 assistiram à afirmação de uma nova esquerda fortemente apostada em transformar o existente. Apesar da sua configuração plural, este cosmos rebelde teve características comuns, que foram da rejeição das hegemonias oriundas da guerra-fria à crítica profunda aos modelos tradicionais de autoridade. Este livro pretende lançar um olhar panorâmico sobre as grandes linhas ideológicas que marcaram a época, dando relevo à maneira como elas se plasmaram no território português. 

Angelus Novus 120p. 9€ -  ISBN: 9789728827700

terça-feira, 18 de agosto de 2015

A Revolução Portuguesa / Ronald H. Chilcote

A Revolução PortuguesaEstado e Classes Sociais na Transição para a Democracia, 

Centrando-se na experiência revolucionária portuguesa de 1974 e 1975, este livro pretende fornecer uma perspectiva histórica global do século XX, ocupando-se de quatro temas principais: o capitalismo e as formações estatais no Portugal do século XX; o esforço subsequente ao golpe de 25 de Abril de 1974 no sentido de concretizar uma transição para o socialismo; a luta de classes, as instituições tradicionais e os novos movimentos sociais e populares que emergiram durante o período revolucionário de 1974 e 1975; e finalmente a questão da hegemonia, antes, durante a revolução e até final do século XX. Ao mesmo tempo, através do exame do caso português o autor procura também desenvolver uma análise teórica do papel do Estado e das suas relações com as classes sociais. 

Ronald H. Chilcote, 312 pp., 2014, ISBN: 978-972-36-1365-0 - Edições Afrontamento. Tradução de Mario Machaqueiro.